“Lenda viva”, Paulo Mendes da Rocha receberá na quarta a Medalha de Ouro do RIBA

escrsp

O arquiteto em seu escritório em São Paulo

O arquiteto e urbanista Paulo Mendes da Rocha recebe nessa quarta-feira (01/02/17), em Londres, a Medalha de Ouro Real concedida pelo Royal Institute of British Architects (RIBA).

Dada em reconhecimento do trabalho de uma vida, a premiação é aprovada pessoalmente por Sua Majestade a Rainha e é concedida a uma pessoa ou grupo de pessoas que tiveram uma influência significativa, direta ou indiretamente, no avanço da Arquitetura mundial.

Concedido desde 1848, a lista dos ganhadores da Medalha de Ouro do RIBA ​​inclui Zaha Hadid (2016), Frank Gehry (2000), Norman Foster (1983), Frank Lloyd Wright (1941) e Sir George Gilbert Scott (1859). Oscar Niemeyer (1998) foi o único outro arquiteto brasileiro a ter recebido a honra.

Falando sobre o prêmio, a presidente do RIBA e presidente do comitê de seleção, Jane Duncan, disse: “O trabalho de Paulo Mendes da Rocha é altamente incomum em comparação com a maioria dos arquitetos mais famosos do mundo. É um arquiteto com uma incrível reputação internacional, mas quase todas as suas obras-primas são construídas exclusivamente em seu país de origem. Revolucionária e transformadora, a obra de Mendes da Rocha tipifica a arquitetura do Brasil dos anos 50 – concreto cru, robusto e belamente “brutal”.

“Paulo Mendes da Rocha é um arquiteto de classe mundial e uma verdadeira lenda viva. Estou muito feliz por ele ser agraciado com a Royal Gold Medal, uma das honras mais importantes do mundo para a arquitetura”, completou.

Paulo Mendes da Rocha é também detentor, entre outras honrarias internacionais, do Prêmio Mies van der Rohe (2000), do Prêmio Pritzker (2006) e do Leão de Ouro da Bienal de Veneza (2016).

“Depois de tantos anos de trabalho, é uma grande alegria receber esse reconhecimento do Royal Institute of British Architects pela contribuição que minha vida de trabalho e experiências deu ao progresso da Arquitetura e da Sociedade”, disse ao arquiteto por ocasião do anúncio de sua escolha. “Gostaria de enviar os meus mais sinceros agradecimentos a todos os que partilham a minha paixão, em particular os arquitetos britânicos, e divido este momento com todos os arquitetos e engenheiros que colaboraram nos meus projetos”.

Nascido em Vitória, Brasil, em 1928, Paulo Mendes da Rocha recebeu o reconhecimento do RIBA  por sua significativa contribuição à arquitetura. “Os numerosos edifícios culturais notáveis ​​de Mendes da Rocha, construídos em seu estilo brutalista brasileiro, com estruturas de concreto expostas e acabamentos ásperos, são amplamente associados com a transformação da cidade de São Paulo”, diz comunicado do instituto.

Projeto do Ginásio do Clube atlético Paulistano

A premiação ocorrerá em jantar de gala. Inicialmente, Mendes da Rocha será saudado por dois outros ganhadores da honraria, o inglês David Chipperfield  e o irlandês John Tuomey, além da irlandesa Yvonne Farrell (recém nomeada, juntamente com Sherlley McNamara, curadoras da Bienal de Veneza de 2018). O escocês Neil Gillespie, da Foundation for Archictecture and Education, fará a leitura do termo de premiação. Em seguida, o arquiteto brasileiro concederá uma entrevista conduzida pelo arquiteto escocês John McAslan e, finalmente, será feita a entrega da Medalha de Ouro.

O evento é a principal atividade da Royal Gold Medal Week 2017, que terá ainda uma palestra de Mendes da Rocha, na terça-feira (31/01), sobre sua vida como projetista e professor, e palestras de outros profissionais de vários países, entre os dias 30/01 e 03/02, sobre os rumos da Arquitura. No dia 30 haverá anda a recepção aos novos membros do RIBA.

Museu dos Coches (Lisboa)

Museu dos Coches (Lisboa)

Entre em contato

Não estamos disponíveis no momento. Mas você pode nos enviar um e-mail e nós reponderemos, o mais cedo possível.

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?