AsBEA promove 1º Fórum BIM

Foi realizado em São Paulo, dia 21 de agosto, na sede da Método Engenharia, o 1º Fórum BIM/AsBEA, que teve como objetivo estimular e debater a eficácia e o futuro dos projetos realizados por meio da ferramenta BIM (Building Information Modeling) no setor da construção civil. O fórum contou com a presença de representantes dos escritórios Cambiaghi Arquitetura, Contier Arquitetura, Purarquitetura, SOENG EH Projetos e Teknika, que falaram de suas experiências e expectativas em relação ao programa.

Entre os vários assuntos comentados, foram discutidos: a evolução tecnológica e mudança de cultura que o BIM traz para a arquitetura e para a engenharia; o papel dos escritórios de projetos de arquitetura e engenharia para os construtores, que precisam deixar de ser apenas “tocadores de obras” e começar a estudar mais os projetos antes do início das obras; e, principalmente, os benefícios que o BIM pode trazer a partir do momento em que ele chega ao canteiro de obra, desde a maior acertividade que o processo permite e, principalmente, usar como ferramenta para fazer avaliações de custos durante o processo de desenvolvimento dos projetos, elaborar planilhas orçamentárias mais precisas e possibilitar um melhor planejamento das obras.

Mesmo com o mercado ainda muito seletivo em relação a essa evolução, o arquiteto Luiz Augusto Contier, da Contier Arquitetura, explicou que construir virtualmente por meio do BIM e não mais desenhar, como se pratica com o Autocad, por exemplo, é mais vantajoso. Por isso, o desafio agora é encarar o BIM não só como programa mas, também, como um processo de toda a obra.

Para o arquiteto Henrique Cambiaghi, da Cambiaghi Arquitetura, para essa transição evoluir é necessário que primeiro os contratantes se conscientizem das vantagens que o processo BIM traz. Ao mesmo tempo é importante salientar que a mudança para essa plataforma exige dos escritórios de projeto maior investimento tanto em softwares como em hardwares e demanda de investimentos em treinamento das equipes. Para maior eficiência na elaboração e desenvolvimento de projetos nesta nova plataforma, os contratantes devem fornecer as “I”nformações (o “I” do BIM) necessárias desde o início do processo tais como definição de métodos construtivos.

Fórum BIM2

Fonte: AsBEA

0 Comentários

Envie uma Resposta

Entre em contato

Não estamos disponíveis no momento. Mas você pode nos enviar um e-mail e nós reponderemos, o mais cedo possível.

Enviando
ou

Fazer login com suas credenciais

ou    

Esqueceu sua senha?